Rio de Janeiro, quinta-feira, 21 de setembro de 2017 - 11h35min
Clube
História
Estádios
Símbolos
Presidentes
Futebol
Jogos
Títulos
Atletas
Técnicos
Competições
Informação
Livros
Crônicas
Reportagens
Por onde anda?
Estatísticas
Gerais
Confrontos
Campanhas
Ranking CBF
Competições
Multimídia
Fotos
Áudios
Vídeos

» 1ª Página » Futebol » Competições
COPA RIO DE PROFISSIONAIS - 2010
 

Poderão participar da Copa Rio de 2010 até 20 associações a saber:
1- Até 08 associações dentre as melhores classificadas no Campeonato Estadual da Série A de profissionais de 2009, que não estejam classificadas para qualquer das séries A, B ou C do Campeonato Brasileiro de 2010, que estejam em situação regular junto à FERJ, que não tenham impedimentos por penalidade imposta pelo TJD e comprovem ter estádio à disposição para a competição;
2- Até 06 associações dentre as melhores classificadas no Campeonato Estadual da Série B de profissionais de 2009, que estejam em situação regular junto à FERJ, que não tenham impedimentos por penalidade imposta pelo TJD, comprovem ter estádio à disposição para a competição e tenham confirmado sua participação no prazo estabelecido pela FERJ.
3- Até 04 associações dentre as melhores classificadas no Campeonato Estadual da Série C de profissionais de 2009, que estejam em situação regular junto à FERJ, que não tenham impedimentos por penalidade imposta pelo TJD, comprovem ter estádio à disposição para a competição e tenham confirmado sua participação no prazo estabelecido pela FERJ.

A Copa Rio será disputada em fases classificatórias, sendo que na primeira fase participarão as equipes das Série B e C, exceto as campeãs de 2009, jogando entre si, dentro do grupo (grupo A), em turno e returno, classificando-se para a segunda fase as 04 associações melhores classificadas.

» 2ª FASE
REGULAMENTO

Na segunda fase participarão as associações classificadas na primeira fase, as associações da Série A de 2009, a campeã da Série C de 2009 e a campeã da Copa Rio de 2009, divididas em 03 grupos (B, C e D), classificando-se para a terceira fase 08 associações: as duas primeiras colocadas de cada grupo e as duas de melhor índice técnico dentre as colocadas em terceiro lugar.

TABELA
Grupo B
Bangu Fênix 2005 Resende Tigres do Brasil Volta Redonda
TURNO
Data
Dia
Hora
Jogo
Estádio
28/08
sáb
15:00
2
x
1
Tigres do Brasil
Proletário
01/09
qua
15:00
Resende
0
x
1
Trabalhador
04/09
sáb
15:00
Fênix
1
x
1
Paulo Fernandes
08/09
qua
15:00
1
x
1
Volta Redonda
Proletário
  
RETURNO
Data
Dia
Hora
Jogo
Estádio
15/09
qua
15:00
Tigres do Brasil
1
x
1
De Los Larios
18/09
sáb
15:00
1
x
0
Resende
Proletário
22/09
qua
15:00
2
x
1
Fênix
Proletário
25/09
sáb
15:00
Volta Redonda
1
x
5
Raulino de Oliveira
 
CLASSIFICAÇÃO
Posição
Clube
PG
J
V
E
D
GP
GC
SG
%
BANGU
18
8
5
3
0
14
6
8
75
Tigres do Brasil
12
8
3
3
2
11
7
4
50
Volta Redonda
12
8
3
3
2
11
10
1
50
Resende
7
8
1
4
3
7
7
0
29
Fênix 2005
3
8
0
3
5
5
18
-13
13
BANGU (1º), Tigres do Brasil (2º) e Volta Redonda (3º - dois melhores por índice técnico dos grupos B, C e D) se classificaram para a 3ª fase.
» 3ª FASE
REGULAMENTO

Na terceira fase as associações serão divididas em dois grupos de quatro associações (grupos E e F), classificando-se para a final as vencedoras de cada grupo.

TABELA
Grupo E
Bangu América Friburguense Goytacaz
TURNO
Data
Dia
Hora
Jogo
Estádio
06/10
qua
15:00
2
x
1
América
Proletário
09/10
sáb
15:00
Friburguense
3
x
0
Eduardo Guinle
16/10
sáb
15:00
Goytacaz
2
x
1
Ary de Oliveira
  
RETURNO
Data
Dia
Hora
Jogo
Estádio
23/10
sáb
16:00
2
x
0
Friburguense
Proletário
03/11
qua
16:00
América
1
x
2
Giulitte Coutinho
10/11
qua
16:00
3
x
2
Goytacaz
Proletário
 
CLASSIFICAÇÃO
Posição
Clube
PG
J
V
E
D
GP
GC
SG
%
BANGU
12
6
4
0
2
10
9
1
67
Goytacaz
10
6
3
1
2
8
6
2
56
Friburguense
7
6
2
1
3
5
5
0
39
América
5
6
1
2
3
4
7
-3
28
BANGU classificado para a 4ª fase (Final)
» 4ª FASE (FINAL)
REGULAMENTO

Na final (grupo G), as associações jogarão duas partidas, em sistema de ida e volta, tendo a associação de melhor índice técnico, classificada na fase anterior, o direito de escolha do mando de campo.
Será declarada campeã a melhor classificada ao final da segunda partida da última fase.
Nas finais do Campeonato, após o encerramento do segundo jogo, em que venha apontar empate em números de pontos ganhos nessa fase, será declarada Campeã a associação com o melhor saldo de gols, computados nos dois jogos da fase decisiva. Ainda persistindo o empate, a decisão dar-se-á pela cobrança de tiros livres diretos da marca do penalty, na forma prevista pela FIFA para as competições internacionais.
A associação campeã terá o direito de optar por ser indicada à CBF para a Copa do Brasil do ano subsequente ou para Série D do Campeonato Brasileiro do ano subseqüente, e a associação vice-campeã será indicada à CBF para uma das duas competições aqui mencionadas que não tenha sido escolhida pela campeã.

TABELA
Grupo G
Bangu Sendas
1º JOGO
Data
Dia
Hora
Jogo
Estádio
17/11
qua
16:00
0
x
1
Sendas
Proletário
  
2º JOGO
Data
Dia
Hora
Jogo
Estádio
20/11
sáb
16:00
Sendas
1
x
2
Arthur Sendas
Disputa de p�naltis
Sendas
4
x
3
BANGU
Campeão: Sendas.
Vice-Campeão: BANGU.
 
     
Livros
 
Estatísticas
 
Jogos 4.133
Vitórias 1.728
Empates 979
Derrotas 1.426
Gols Pró 7.305
Gols Contra 6.332
Saldo de Gols 973
Artilheiros
 
Ladislau 231
Moacir Bueno 203
Nívio 152
Menezes 137
Zizinho 125
Luís Carlos 119
Paulo Borges 109
Décio Esteves 98
Arturzinho 93
Marinho 83