Rio de Janeiro, segunda-feira, 26 de junho de 2017 - 03h58min
Clube
História
Estádios
Símbolos
Presidentes
Futebol
Jogos
Títulos
Atletas
Técnicos
Competições
Informação
Livros
Crônicas
Reportagens
Por onde anda?
Estatísticas
Gerais
Confrontos
Campanhas
Ranking CBF
Competições
Multimídia
Fotos
Áudios
Vídeos

» 1ª Página » Informação » Crônicas


VETO PARA ENTRAR PARA O GUINNESS

Uma notícia incrível passou quase despercebida nos últimos dias, especialmente em São Paulo. O presidente do América-RJ, Reginaldo Mathias, requereu por escrito à Ferj o veto de 34 árbitros e bandeirinhas para a partida contra o Bangu, que acabou rebaixado do Campeonato do Rio.

O número é incrível. Numa rodada do Estadual, há seis jogos. Neles atuam 18 árbitros e auxiliares. O que o América vetou é quase o dobro disso. Todos, segundo Mathias, trabalham rotineiramente nas partidas do Bangu e Americano.

Como o veto sempre está ligado à desconfiança do dirigente com a lisura do árbitro, isso quer dizer que o América desconfia dessa gente toda. Mathias diz que sabe do que está falando porque ele mesmo foi árbitro e tem convicção de que o América foi rotineiramente espoliado na competição.

Outra história tão ou mais incrível é a do vice-presidente da Federação do Rio (Ferj) e ex-presidente do Bangu, Rubens Lopes, que acusa o outro vice-presidente da entidade, Francisco Aguiar, de armar um esquema para prejudicar o Bangu nesse campeonato, segundo notícia publicada anteontem pelo jornal "O Globo".

O mais incrível das duas histórias é que ambos isentam o presidente Eduardo Viana. Pelo quadro que Mathias e Lopes traçam, o Caixa D'Água deveria ser o maior banana da paróquia, o que não combina nada com sua imagem de prepotente.

Há uma semana a Polícia Federal invadiu a sede da Ferj para investigar desvio de renda. Pelo jeito, o reinado do Caixa D'Água, enfim, está ruindo.


Texto: Marcelo Damato.
Fonte: Coluna Papo com Marcelo, publicada no Jornal Lance!, em 24/03/2004.

     
Livros
 
Estatísticas 2017
 
Jogos 18
Vitórias 4
Empates 5
Derrotas 9
Gols Pró 16
Gols Contra 30
Saldo de Gols -14
Aproveitamento 31%
Artilheiros 2017
 
Loco Abreu 3
Raphael Augusto 3
Rogerinho 2
Leandro Chaves 1
João Guilherme 1
Guilherme 1
Carlinhos 1
Anderson Penna 1
Hygor Guimarães 1
Daniel Bueno 1
Marlon 1