Fundado em 17 de abril de 1904
Clube
História
Estádios
Símbolos
Presidentes
Futebol
Jogos
Títulos
Atletas
Técnicos
Competições
Informação
Livros
Crônicas
Reportagens
Por onde anda?
Estatísticas
Gerais
Confrontos
Campanhas
Ranking CBF
Competições
Multimídia
Fotos
Áudios
Vídeos

» 1ª Página » Informação » Notícias » Jogos

06/08/1916 - BANGU 1 x 3 BOTAFOGO

FICHA TÉCNICA
Competição:
Campeonato Carioca
Local:
Rua Ferrer
Árbitro:
Mário Pollo
Américo Pastor, Emílio Framback e Edgar Calvert; James Stirling, Roldão Maia e Luiz Antônio; Augusto Alves (Leão), A. French, Patrick Donohoe, Benedicto Dantas e Antenor Corrêa.
Jorge Gama Abreu, Carlos Villaça e Osny Werner; Carlos de Pino, L. P. Teague e Cyro Werneck; Luiz Menezes, Aloísio Pinto, Edward Pessoa, Benjamin Sodré e Arlindo Pacheco.
No 1º tempo: Aloísio, Menezes e Aloísio. No 2º tempo: Patrick (pên.).

. . . . . . . . . . . . . . .

Fonte: Jornal do Brasil

O texto abaixo não foi atualizado, mantendo-se a escrita original da época.

Bangu x Botafogo - Conforme era esperado, realizou-se ontem à tarde, no magnífico campo da estação de Bangu, a prova do campeonato da 1ª divisão, entre as segundas e primeiras equipes dos clubes acima mencionados. A concorrência era bastante numerosa, apresentando o field um aspecto encantador.

O jogo desenvolvido pelos contendores foi excelente e bastante disputado, havendo bons e cerrados ataques e ótimas defesas.

O Bangu apresentou em campo a sua ótima e valorosa equipe, que derrotou os times do América e Flamengo.

O Botafogo enviou a campo o seu eleven desfalcado de Rolando e Lulu, que foram substituídos por Cyro e Pino.

Findo o match dos segundos times, deram entrada em campo, acompanhados do referee escalado, os times disputantes, achando-se assim constituídos:

Botafogo - Jorge Gama Abreu, Carlos Villaça e Osny Werner; Carlos de Pino, L. P. Teague e Cyro Werneck; Luiz Menezes, Aloísio Pinto, Edward Pessoa, Benjamin Sodré e Arlindo Pacheco.

Bangu - Américo Pastor, Emílio Framback e Edgar Calvert; James Stirling, Roldão Maia e Luiz Antônio; Augusto Alves (Leão), A. French, Patrick Donohoe, Benedicto Dantas e Antenor Corrêa.

A saída coube ao time local, perdendo Patrick a esfera para Teague.

O Botafogo faz a sua primeira investida pela ala-direita, fazendo Emílio ótima tirada.

A linha da equipe alvirrubra, em passes curtos, tenta por duas vezes passar a defesa alvinegra, nada conseguindo, devido às tiradas de Cyro, Teague e Pino.

Novo ataque fazem os forwards do Botafogo e a seis minutos de jogo, Aloísio, recebendo um passe de Menezes, dribla os backs contrários e entra com a pelota no gol, marcando assim o primeiro gol para o seu time. Os atacantes do Bangu ameaçam bastante o gol confiado à guarda de Abreu, keeper do 3º time, tendo este oportunidade de praticar duas belas defesas. Mimi, de um passe de Cyro, consegue passar pela defesa contrária, fazendo Américo excelente defesa.

Novo ataque fazem os visitantes e a 10 minutos, Aloísio faz um passe alto a Menezes; este, depois de passar por Luiz Antônio, com um violento chute
enviesado, consegue o segundo tento.

O feito do extraordinário outside internacional é bastante aplaudido.

Um minuto ainda não era decorrido quando Aloísio, de um passe de Mimi, aumenta o score. O time do Bangu faz grande pressão sobre a defesa contrária, nada conseguindo devido às tiradas de Osny e Villaça, que jogaram muito bem. Há um free-kick contra o Botafogo que Patrick bate em ótimas condições, indo a esfera passar rente à trave.

French e Benedicto chutam livres, mas sem direção, passando a bola ora por cima, ora pelo lado do gol de Abreu.

O referee diversas vezes interrompe o match para punir os fouls cometidos por Patrick e Leão do Bangu e Cyro do Botafogo. O jogo torna-se disputado até o fim do primeiro tempo, sendo o resultado favorável ao Botafogo por 3 gols contra 0.

No segundo tempo, o Bangu, por longo tempo, carrega contra a defesa contrária, Villaça faz defesas assombrosas, Pino, Teague e Osny secundam Villaça.

Há dois corners que, bem batidos por Antenor, não surtem efeito. Abreu pratica duas lindas defesas, tirando dois formidáveis chutes de French e Patrick, no canto esquerdo.

Cabe a vez do Botafogo atacar com energia. Vadinho, que de match para match vem melhorando o seu jogo, obriga Américo a praticar boa defesa.

Nos 20 últimos minutos, os backs do Bangu, em vista dos cerrados ataques do time visitante, recorrem ao jogo de off-sides, sendo o match a todo momento suspenso.

Um minuto faltava para terminar a peleja, quando o referee pune um hands de Teague na área de penalty-kick. Cabe a Patrick marcar o único gol para o seu time, terminando assim o match com a vitória do Botafogo por 3 x 1.

Pelo vencedor merecem menção: Aloísio - o herói do dia -, Vadinho e Menezes no ataque; Pino, Villaça e Osny na defesa.

Pelo vencido merecem destaque: Luiz Antônio - ótimo e dedicado half-back -, Américo, French, Roldão, Stirling e Antenor.

Serviu de referee o sr. Dr. Mário Pollo, do Fluminense, que se houve imparcial e enérgico.

O jogo dos segundos times foi também bastante disputado e um tanto violento por parte de alguns jogadores locais.

O resultado foi de 5 gols para o Botafogo e 2 para o Bangu.

Serviu de referee o sr. Carlos Nery Sterling, do Carioca, que se houve corretamente.

     
Livros
 
Estatísticas
 
Jogos 4.116
Vitórias 1.713
Empates 980
Derrotas 1.423
Gols Pró 7.267
Gols Contra 6.306
Saldo de Gols 961
Artilheiros
 
Ladislau 229
Moacir Bueno 202
Nívio 152
Menezes 138
Zizinho 124
Luís Carlos 119
Paulo Borges 109
Décio Esteves 97
Arturzinho 93
Marinho 83