Rio de Janeiro, quinta-feira, 21 de setembro de 2017 - 18h25min
Clube
História
Estádios
Símbolos
Presidentes
Futebol
Jogos
Títulos
Atletas
Técnicos
Competições
Informação
Livros
Crônicas
Reportagens
Por onde anda?
Estatísticas
Gerais
Confrontos
Campanhas
Ranking CBF
Competições
Multimídia
Fotos
Áudios
Vídeos

» 1ª Página » Informação » Notícias » Jogos


GOYTACAZ 2 x 1 BANGU

FICHA TÉCNICA
Competição:
Copa Rio (3ª fase)
Local:
Estádio Ary de Oliveira e Souza, em Campos
Data-Hora:
Sábado, 16/10/2010 - 15h
Renda:
R$ 8.135,00
Público:
1.290 pagantes (1.490 presentes)
Árbitro:
Agnaldo Xavier Farias (RJ)
Auxiliares:
Lilian da Silva Fernades Bruno (RJ) e Andréa Izaura Maffra Marcelino de Sá (RJ)
Glaucio, Sassá, Júnior, Renato e Vítor, Joel (Juninho), Jhones Pitbull (Dione), Wellington Jacaré e Rondinelli; Wandinho e Leandro Sena.
Técnico: Jorge Sena.
Eduardo, China, Abílio, Johnny (Guzzon) e Fabiano Silva; Marcão, André Barreto, Raphael Azevedo e Nardo (Alex Alves); Pipico e Marco Antônio (Rhomulo).
Técnico: Mazolinha.
Junior, Rondinelli e Renato (Goytacaz); China, Raphael Azevedo, Johhny, Rhomulo e Fabiano Silva (Bangu)
-
Bangu 0 x 1: Renato, aos 23min do 2º tempo
Bangu 1 x 1: Marcão, aos 25min do 2º tempo
Bangu 1 x 2: Rondinelli, aos 41min do 2º tempo

. . . . . . . . . . . . . . .

Bangu perde e se complica na Copa Rio
Fonte: Fabio Menezes

Em partida eletrizante, válida pela terceira rodada da fase de número três da Copa Rio de Profissionais, Goytacaz e Bangu se enfrentaram no Estádio Ary de Oliveira e Souza. Com gol de pênalti, a quatro minutos do final, a equipe do Norte Fluminense venceu por 2 a 1 e disparou na liderança do Grupo E com sete pontos ganhos. Já o time da Zona Oeste vê sua situação se complicar na competição com apenas três e na terceira colocação. Renato e Rondinelli marcaram os gols dos campistas enquanto Marcão fez o do Banguzão.


O jogo

Sem se intimidar com a presença em bom número da torcida do Goytacaz, logo aos 4 minutos o Bangu chegou perigosamente com Marco Antônio, que bateu cruzado pela esquerda para defesa segura de Gláucio. O time do Norte Fluminense, fazendo valer o mando de campo, também buscava o gol, mas só teve sua melhor chance aos 16 minutos, quando Leandro Sena, em jogada individual, fez excelente passe para Rondinelli, mesmo desequilibrado, tocar rente à trave esquerda de Eduardo. Apesar de muita movimentação e luta no meio-de-campo, a última chance de gol da primeira etapa foi do Bangu. Marco Antônio, mais uma vez, aproveitando descuido da zaga, tentou encobrir o goleiro Gláucio, que defendeu com tranquilidade.

No segundo tempo, as duas equipes mantiveram o padrão tático e o time da casa abriu o marcador aos 23 minutos. Renato aproveitou rebote da zaga banguense e fez 1 a 0.

Dois minutos depois, o Bangu chegou ao empate. Em jogada iniciada por Alex Alves, o meia lançou para Marcão bater e empatar.

O jogo cresceu em emoção. Bangu e Goytacaz tiveram boas chances e o time da casa chegou à vitória com gol de pênalti. Sassá cruzou na área e Johnny interceptou com o braço. Na cobrança, aos 41 minutos, Rondinelli definiu o marcador de 2 a 1 para o Goytacaz.

. . . . . . . . . . . . . . .

Video do jogo
 
 

Foto do jogo
 
Foto: Fabio Menezes
 
     
Livros
 
Estatísticas
 
Jogos 4.133
Vitórias 1.728
Empates 979
Derrotas 1.426
Gols Pró 7.305
Gols Contra 6.332
Saldo de Gols 973
Artilheiros
 
Ladislau 231
Moacir Bueno 203
Nívio 152
Menezes 137
Zizinho 125
Luís Carlos 119
Paulo Borges 109
Décio Esteves 98
Arturzinho 93
Marinho 83