Rio de Janeiro, sexta-feira, 24 de novembro de 2017 - 18h23min
Clube
História
Estádios
Símbolos
Presidentes
Futebol
Jogos
Títulos
Atletas
Técnicos
Competições
Informação
Livros
Crônicas
Reportagens
Por onde anda?
Estatísticas
Gerais
Confrontos
Campanhas
Ranking CBF
Competições
Multimídia
Fotos
Áudios
Vídeos

» 1ª Página » Informação » Notícias » Jogos


BANGU 0 x 0 FRIBURGUENSE

FICHA TÉCNICA - Súmula
Competição:
Copa Rio (1ª Fase - Grupo D - 4ª rodada)
Local:
Estádio Proletário Guilherme da Silveira Filho (Moça Bonita), em Bangu (RJ)
Data-Hora:
Quarta-feira, 12/09/2012 - 15h
Renda:
R$ 1.020,00
Público:
158 pagantes (248 presentes)
Árbitro:
Alexandre Vargas Tavares de Jesus (RJ)
Auxiliares:
Daniel da Silva Alexandre (RJ) e Thiago Henrique Neto Correa Farinha (RJ)

Fernando Cunha; Celsinho, Raphael, Wesckley e Guilherme; Philippe PH (Fabio Ney - 19'/2ºT), André Barreto, Cassiano (Iran Alves - 17'/2ºT) e Eudes; Fábio Saci e Thiago Leonildo (Filipe Peixinho - Intervalo).
Técnico: Cleimar Rocha.

Adilson Junior; Leomir (Heitor), Bruno, Diego Guerra e Victor Hugo; Zé Victor, Daniel, Elan e Gleison; Diego Santos (Dener) e Toshyia (Douglas Tardin).
Técnico: Gerson Andreotti.
Raphael Azevedo, Filipe Peixinho, André Barreto e Iran Alves (Bangu); Daniel, Diego Guerra e Heitor (Friburguense)
-

. . . . . . . . . . . . . . .

Em jogo de um tempo só, Bangu e Friburguense não saem do zero
Fonte: Fausto Ferro (FutRio)

Alvirrubro mantém a trajetória de não vencer em casa e Frizão volta com um ponto

Bangu e Friburguense se enfrentaram nesta quarta-feira (12) em jogo válido pela Copa Rio, no Estádio de Moça bonita e não saíram do zero no placar. Com o resultado, o time alvirrubro mantém a liderança do Grupo D com oito ponto seguido pelo Tricolor da Serra com cinco, mas com um jogo a menos.

A partida começou com os dois times concentrando as jogadas pelo meio de campo, o que causou um grande congestionamento no setor. Com muitos passes errados dos dois lados, ficou difícil um lance de perigo no primeiro tempo da partida. Eudes, tentava colocar a bola no chão para criar uma jogada, mas não conseguia encontrar seus centroavantes. Já pelo Friburguense, o atacante japonês Toshiya tentava criar jogadas pelas laterais do campo, mas ficava isolado e não conseguia prosseguir com uma jogada. Na base do chutão, as equipes tentavam sorte melhor na partida, mas o placar não se alterou.

No retorno para a segunda etapa, o técnico Cleimar Rocha colocou no lugar de Thiago Leonidio o jogador Filipe Peixinho para tentar articular melhor o ataque e dar mais opções ao meia Eudes. E foi o que aconteceu. Logo aos dois minutos, o lateral Celsinho centrou a bola para a área do Friburguense e de cabeça o zagueirão Wesckley quase abriu o placar obrigando o goleiro Adilson Junior a fazer excelente defesa. O lance parece que deu moral ao Bangu, que começou a gostar do jogo. Aos sete minutos, o meia PH chutou de fora da área, mas a bola passou longe do gol.

O Bangu parecia melhor na partida, partia para cima do Friburguense mas de maneira ainda desordenada, entretanto mais objetiva. Nos primeiros 20 minutos, o Friburguense se manteve como observador e se defendia como pode. Em lance isolado na partida, o lateral direito Leomir se contundiu e precisou ser substituído por Heitor. Para falar que o Frizão não foi ao ataque, aos 25 minutos o meia Gleison cobrou falta pelo esquerdo de ataque na entrada da área e a bola saiu rente ao travessão.

O Friburguense tentava sair nos contra-ataques, mas não conseguiu ser efetivo. Mesmo tendo trocado seu comando de ataque, o time de Nova Friburgo não ameaçou em nenhum momento. O Bangu a essa altura domina as ações mas não concluía com qualidade. O time alvirubro tentou até o final mas esbarrou também na boa atuação do goleiro Adilson Junior. No fim, o 0 a 0 permaneceu no placar e o Bangu perdeu uma excelente oportunidade de disparar na liderança no grupo.

Somente o Friburguense entra em campo pela última rodada do turno. O Frizão encara o Nova Iguaçu às 15 horas, no Eduardo Guinle, no sábado, dia 15. O Bangu só volta a campo, também diante do Nova Iguaçu, só que na quarta-feira (19), em Moça Bonita.


A partida
Bangu 0×0 Friburguense – Copa Rio – 4ª Rodada do Grupo D – 12/09/2012

Estádio Proletário Guilherme da Silveira Filho (Rio de Janeiro-RJ)
Árbitro: Alexandre Vargas Tavares de Jesus
Assistentes: Daniel da Silva Alexandre e Thiago Henrique Farinha

Bangu: Fernando Cunha; Celsinho, Raphael Azevedo, Wesckley e Guilherme; PH (Fábio Ney), André Barreto, Cassiano (Iran) e Eudes; Thiago Leonídio (Peixinho) e Fábio Saci. Técnico: Cleimar Rocha

Friburguense: Adilson Junior; Leomir (Heitor), Bruno, Diego Guerra e Victor Hugo; Zé Victor, Daniel, Elan e Gleison; Diego Santos (Dener) e Toshyia (Douglas Tardin). Técnico: Gerson Andreotti.

Cartões amarelos: Raphael Azevedo, André Barreto, Iran Alves e Filipe Peixino (BAN); Diego Guerra, Daniel, Heitor (FRI).

. . . . . . . . . . . . . . .

Bangu empata com o Friburguense em Moça Bonita
Fonte: Marca Assessoria

Time da Zona Oeste segue na liderança do Grupo D da Copa Rio

O Bangu empatou em 0 a 0 com o Friburguense na tarde desta quarta-feira, em Moça Bonita, e se manteve na liderança do Grupo D da Copa Rio. O time da Zona Oeste chegou a oito pontos e encerrou sua participação no turno, pois folga na última rodada.

A equipe da Serra está em segundo lugar com cinco pontos e um jogo a menos. Nova Iguaçu, quatro pontos, América, dois, e Boavista, que tem um, completam o grupo. O técnico banguense Cleimar Rocha falou sobre o jogo.

- Foi uma partida muito truncada e já esperava por essa dificuldade. O Friburguense tem jogadores experientes e não foi um resultado ruim, pois continuamos três pontos a frente do adversário e no outro jogo da rodada houve empate - disse Cleimar, referindo-se ao jogo Nova Iguaçu 0 x 0 América.

. . . . . . . . . . . . . . .

Bangu e Friburguense ficam no empate em Moça Bonita
Fonte: Agência Bangu

Jogando em casa o Bangu recebeu a equipe da Friburguense para seguir com a sua invencibilidade na Copa Rio. O time comandado pelo técnico Cleimar Rocha se manteve com o domínio na maior parte do jogo e esteve perto de marcar em várias oportunidades. Por falta de sorte não chegou a balanças as redes, permanecendo o placar de 0 a 0, mas conquistou mais um ponto para seguir firme no topo da tabela do grupo D.


Os lances

Já no início da etapa inicial, o Bangu chegou se impondo quando Fabio Saci carimbou a zaga tricolor. No rebote, Thiago Leonídio acabou chutando fraco e o goleiro Adilson não teve dificuldades em defender.

Com 14 minutos de jogo, o Bangu levou perigo e levantou a torcida quando Cassiano pedalou em cima do zagueiro da Friburguense, saindo da marcação e em seguida cruzando rasteiro. Thiago Leonídio, novamente, acompanhou o lance mas não conseguiu chegar a tempo para tocar na bola dentro da pequena área.

Se sentindo pressionado, a equipe da região serrana procurou arriscar em buscar oportunidades. Em lances sem sucesso, aos 24 minutos Daniel deu um corte em cima do volante banguense André Barreto e cruzou na área, mas ninguém subiu. Aos 34 o lateral esquerdo Victor Hugo mandou um chutão próximo à meia- lua que passou longe do travessão de Fernando Cunha.

Voltando para o segundo tempo, a equipe do Bangu esquentou logo aos 2 minutos. Na melhor oportunidade do time, Eudes cobrou falta na diagonal para dentro da área e Celsinho subiu cabeceando pra trás. Esperto, o goleiro Adilson conseguiu espalmar e fazer uma defesa difícil.

No decorrer da partida o time de Moça Bonita continuou atacando com bolas na área da Friburguense, porém era bloqueado pela defesa. Quando não encontrava espaço para cruzar, procurava arriscar de longe mas a pontaria não encontrava o gol.

Do outro lado, a Friburguense manteve seu time praticamente recuado e planejava sair em contra-ataques que eram neutralizados. Então procurou chegar com bolas paradas que não levavam perigo ao gol de Fernando Cunha.

Já no final o Bangu pressionou as saídas de bola e praticou chutes de longa distância, mas terminou tudo igual no marcador.

O Alvirrubro está com 08 pontos na chave e não jogará neste final de semana. Seu próximo desafio está marcado para a próxima quarta-feira (19.09), quando receberá o Nova Iguaçu no estádio Proletário.


Copa Rio 2012

4ª rodada do Grupo D – 12 de Setembro de 2012
Bangu 0 x 0 Friburguense
Estádio Moça Bonita (Rio de Janeiro,RJ)
Árbitro: Alexandre Vargas Tavares de Jesus
Assistentes: Daniel da Silva Alexandre e Thiago Henrique Neto Correa Farinha

Bangu: Fernando Cunha; Celsinho, Raphael, Wesckley e Guilherme; Philippe PH (Fabio Ney), André Barreto, Cassiano (Iran Alves) e Eudes; Fábio Saci e Thiago Leonildo (Peixinho).
Técnico: Cleimar Rocha.

Friburguense: Adilson, Leomir (Heitor), Bruno, Diego Guerra e Victor Hugo; Zé Victor, Daniel, Elan e Gleison; Diego Santos (Dener) e Tojo (Douglas).
Técnico: Gerson Andreotti

Cartões Amarelos: André Barreto (BAN); Diego Guerra (FRIB) e Daniel (FRIB).

. . . . . . . . . . . . . . .

Foto do jogo
 
Foto: Maria Pimenta
 
Eudes auxilia na marcação de jogador da Friburguense
 
     
Livros
 
Estatísticas
 
Jogos 4.116
Vitórias 1.713
Empates 980
Derrotas 1.423
Gols Pró 7.267
Gols Contra 6.306
Saldo de Gols 961
Artilheiros
 
Ladislau 229
Moacir Bueno 202
Nívio 152
Menezes 138
Zizinho 124
Luís Carlos 119
Paulo Borges 109
Décio Esteves 97
Arturzinho 93
Marinho 83