Rio de Janeiro, sexta-feira, 24 de novembro de 2017 - 18h23min
Clube
História
Estádios
Símbolos
Presidentes
Futebol
Jogos
Títulos
Atletas
Técnicos
Competições
Informação
Livros
Crônicas
Reportagens
Por onde anda?
Estatísticas
Gerais
Confrontos
Campanhas
Ranking CBF
Competições
Multimídia
Fotos
Áudios
Vídeos

» 1ª Página » Informação » Notícias » Jogos


AUDAX RIO 2 x 1 BANGU

FICHA TÉCNICA - Súmula
Competição:
Copa Rio (2ª Fase - Grupo E - 7ª rodada)
Local:
Estádio Arthur Sendas, em São João de Meriti (RJ)
Data-Hora:
Quarta-feira, 31/10/2012 - 16h (Horário Brasileiro de Verão)
Renda:
R$ 3.250,00
Público:
350 pagantes (400 presentes)
Árbitro:
Leonardo de Castro Moreira (RJ)
Auxiliares:
Gabriel Conti Vianna (RJ) e Diego Luiz Couto Barcelos (RJ)
Cleiton; Adriano (Kléber), Rafael, Pedrão e Foster; André Castro, Arnon, Nélio (Diego Sales) e Ivan Júnior (Raphael); Hyuri e Wellington.
Técnico: Maurício Barbieri.

Fernando Cunha; Wellington Júnior, Raphael (Júnior - 36'/2T), Alex Lopes e Guilherme; Oliveira, André Barreto, Eudes e Bruno Santos (Rodrigo Pinho - 21'/2T); Sérgio Júnior e Filipe Peixinho (Fábio Ney - intervalo).
Técnico: Cleimar Rocha.

Guilherme e Wellington Júnior (Bangu); Foster, Rafael, Hyuri e Cleiton (Audax)
Fábio Ney (Bangu); Rafael e Wellington (Audax)
Bangu 0 x 1: Wellington, aos 30min do 1º tempo
Bangu 0 x 2: Wellington, aos 35min do 1º tempo

Bangu 1 x 2: Eudes, aos 13min do 2º tempo

. . . . . . . . . . . . . . .

Audax se supera e vence Bangu com um homem a menos
Fonte: Vitor Costa (FutRio)

Em jogo movimentado com três pênaltis e três expulsões, Laranja reencontra a vitória

Nem mesmo o forte calor foi capaz de impedir que Audax Rio e Bangu fizessem um grande jogo na tarde desta quarta-feira (31) no Arthur Sendas. Em partida movimentada, com três pênaltis, três expulsões e duas substituições por lesão ainda no primeiro tempo, o Laranja levou a melhor e venceu por 2 a 1. Com o resultado, o time meritiense chegou aos sete pontos e voltou à briga pela vaga na Copa Rio. Já o Bangu segue na liderança, com 10.

O jogo foi difícil para o Audax Rio do início ao fim. Se já não bastasse as dificuldades de enfrentar o líder e até pouco tempo invicto, logo aos seis minutos o técnico Maurício Barbieri foi obrigado a tirar o meio-campista Nélio, com uma lesão na coxa esquerda. Diego Sales entrou em seu lugar.

Tudo começou a melhorar aos 28 minutos. Adriano fez boa jogada pela direita e cruzou para Ivan Júnior, que concluiu para as redes. Porém, o árbitro Leonardo de Castro Moreira já tinha apitado o pênalti em cima de Adriano, derrubado na área por Guilherme. Na cobrança, Wellington bateu firme e fez: 1 a 0.

No entanto, a bruxa estava solta. Por conta do pênalti sofrido, Adriano não resistiu e, também machucado, foi obrigado a deixar o campo, dando lugar a Kléber. Porém, nem deu tempo para se lamentar: aos 35 minutos, Ivan Júnior foi derrubado na área. Wellington bateu novamente e marcou o segundo.

E os pênaltis seguiam acontecendo na partida. Aos 41 minutos, foi a vez do Bangu ter um a seu favor. Eudes foi derrubado pelo goleiro Cleiton na área. Na cobrança, Bruno Santos, de pé esquerdo, chutou forte, mas Cleiton defendeu e impediu o gol banguense: 2 a 0, placar ao final do primeiro tempo.

Para a etapa complementar, o Bangu voltou com outra postura e transformou o jogo em um verdadeiro ataque contra defesa, principalmente quando o zagueiro Rafael, do Audax, foi expulso aos 11. Entretanto, o time de Cleimar tinha dificuldades para transformar a pressão em gols e esbarrava em Cleiton.

Até que, aos 13 minutos, Eudes cobrou falta com categoria, no ângulo do arqueiro meritiense, para diminuir o prejuízo: 2 a 1. Melhor em campo, o Bangu teve uma sequência incrível. Aos 31, Eudes chutou de fora da área e Cleiton espalmou. No rebote, André Barreto bateu de pé esquerdo e Cleiton defendeu outra vez.

O pior ainda estava por vir para o Bangu. Logo no minuto seguinte, Eudes cobrou escanteio da esquerda e Sérgio Júnior cabeceou firme no travessão. No rebote, a bola sobrou para Fábio Ney, que chutou forte de fora da área e a bola acertou caprichosamente a trave direita de Cleiton. Ela não queria entrar.

Mesmo assim, o jogo ganhou ares dramáticos aos 38 quando, em um princípio de confusão, o árbitro expulsou Fábio Ney e Wellington. Entretanto, a reação banguense parou por aí. Mesmo com total domínio da posse de bola e pressionando muito o adversário, o time de Cleimar Rocha não conseguiu marcar.

O resultado, porém, ainda não é preocupante para o Bangu. O time lidera o Grupo E, com 10 pontos. Porém, o Audax, que é o quarto colocado, já está na cola, com sete. Resende e Bonsucesso somam nove cada. Na próxima rodada, a equipe alvirrubra encara o Goytacaz, sábado, às 16h, em Moça Bonita. No mesmo dia e horário, o Laranja Meritiense encara o Bonsucesso, na Avenida Teixeira de Castro.


A partida
Audax Rio 2×1 Bangu – Copa Rio, 7ª rodada do Grupo E – 31/10/2012

Estádio Arthur Sendas (São João de Meriti-RJ)
Árbitro: Leonardo de Castro Moreira
Assistentes: Gabriel Conti Vianna e Diego Luiz Couto Barcelos

Audax Rio: Cleiton; Adriano (Kléber), Rafael, Pedrão e Foster; André Castro, Arnon, Nélio (Diego Sales) e Ivan Júnior (Raphael); Hyuri e Wellington. Técnico: Maurício Barbieri.

Bangu: Fernando; Wellington Júnior, Raphael (Júnior), Alex Lopes e Guilherme; Oliveira, André Barreto, Eudes e Bruno Santos (Rodrigo Pinho); Peixinho (Fábio Ney) e Sérgio Júnior. Técnico: Cleimar Rocha.

Cartões amarelos: Cleiton, Rafael, Foster e Hyuri (AUD); Guilherme e Wellington Júnior (BAN)
Cartões vermelhos: Rafael e Wellington (AUD); Fábio Ney (BAN)

Gols: Wellington 30'/1ºT (1-0); Wellington 35'/1ºT (2-0); Eudes 13'/2ºT (2-1)

Público: 350 pagantes
Renda: R$ 3.250,00

. . . . . . . . . . . . . . .

Bangu perde para o Audax, mas segue líder na Copa Rio
Fonte: Marca Assessoria

Alvirrubro perdeu pênalti e chances claras para empatar a partida

O Bangu foi derrotado por 2 a 1 pelo Audax nesta quarta-feira, no Arthur Sendas, em São João de Meriti, na Baixada Fluminense, mas segue na liderança do Grupo E da Copa Rio.

Com o resultado, o time do técnico Cleimar Rocha permaneceu com dez pontos e agora é seguido de perto por Resende e Bonsucesso, que tem nove, e pelo próprio Audax, que tem sete. O Goytacaz é o lanterna com cinco.

O Audax abriu 2 a 0 com dois gols de pênalti de Wellington ainda no primeiro tempo. Ainda na primeira etapa, Bruno Santos desperdiçou uma penalidade para o Bangu. Aos 13 minutos do segundo tempo, Eudes marcou de falta e diminuiu a vantagem.

O Alvirrubro ainda teve ótimas chances para empatar o jogo. Aos 31, Eudes chutou de fora da área e Cleiton espalmou. No rebote, André Barreto bateu de pé esquerdo e o goleiro defendeu outra vez. No minuto seguinte, Eudes cobrou escanteio da esquerda e Sérgio Júnior cabeceou no travessão. No rebote, a bola sobrou para Fábio Ney, que chutou forte de fora da área e a bola acertou caprichosamente a trave direita de Cleiton.

O técnico Cleimar Rocha falou sobre a partida.

- Tivemos oportunidades para empatar e mais uma vez não conseguimos. Mas o que realmente nos prejudicou foi um apagão de cinco minutos que tivemos e eles abriram dois gols de diferença e depois de estar atrás no placar ficou mais difícil buscar o resultado. O que temos de fazer agora é nos concentrar para o jogo contra o Goytacaz, que pode definir nosso futuro na competição - disse o treinador banguense.

Na próxima rodada, a equipe alvirrubra encara o Goytacaz, sábado, às 16h, em Moça Bonita.

. . . . . . . . . . . . . . .

Video do jogo
 
 

Foto do jogo
 
Foto: Carlos Júnior/FutRio
 
Audax vence e volta à briga
 
     
Livros
 
Estatísticas
 
Jogos 4.116
Vitórias 1.713
Empates 980
Derrotas 1.423
Gols Pró 7.267
Gols Contra 6.306
Saldo de Gols 961
Artilheiros
 
Ladislau 229
Moacir Bueno 202
Nívio 152
Menezes 138
Zizinho 124
Luís Carlos 119
Paulo Borges 109
Décio Esteves 97
Arturzinho 93
Marinho 83