Rio de Janeiro, domingo, 28 de maio de 2017 - 05h27min
Clube
História
Estádios
Símbolos
Presidentes
Futebol
Jogos
Títulos
Atletas
Técnicos
Competições
Informação
Livros
Crônicas
Reportagens
Por onde anda?
Estatísticas
Gerais
Confrontos
Campanhas
Ranking CBF
Competições
Multimídia
Fotos
Áudios
Vídeos

» 1ª Página » Informação » Notícias » Jogos
NOVA IGUAÇU 2 x 0 BANGU
Informação - FICHA TÉCNICA - Súmula
Competição:
Campeonato Estadual (Quadrangular da Taça Guanabara - Semifinal)
Local:
Estádio Jânio Moraes (Laranjão), em Nova Iguaçu (RJ)
Data-Hora:
Quarta-feira, 01/03/2017 - 15h30
Renda:
R$ 3.800,00
Público:
300 pagantes (348 presentes)
Árbitro:
Rejane Caetano da Silva (RJ)
Auxiliares:
Andréa Izaura Maffra Marcelino de Sá (RJ) e Carine Belmont Nascimento de Moraes (RJ)
Felipe; Vinicius Matheus (Caio Cezar, 32'/2ºT), Simões, Murilo Henrique, Crispin; Iuri Pimentel (Alex Souza, 20'/2ºT), Anderson, Wescley; Marlon, Patrick e Adriano.
Técnico: Edson Souza
Márcio; Daniel, Leonardo Luiz (Rodrigo Costa, 31'/2ºT), Walker e Guilherme; Thiaguinho, Washinton Tomaz (Bruno Bêra, 20'/2ºT), Raphael Augusto e Leandro Chaves; Peralta (Matheus Pimenta, intervalo) e Loco Abreu.
Técnico: Arturzinho
Iuri Pimentel (Nova Iguaçu); Leonardo Luiz (Bangu)
-
Bangu 0 x 1: Marlon, aos 32min do 1º tempo
Bangu 0 x 2: Adriano, aos 39min do 1º tempo
. . . . . . . . . . . . . . .
Nova Iguaçu supera o Bangu e garante vaga na final do Quadrangular Extra
Fonte: Igor Dorilêo (FutRio)
Equipe da Baixada Fluminense liquidou fatura com gols na etapa inicial

Nova Iguaçu e Bangu se enfrentaram nesta quarta-feira (1º), numa tarde de sol forte, onde os termômetros na Baixada chegavam a marcar 42° graus. A partida foi válida pela semifinal do Quadrangular Extra da Taça Guanabara, ou "torneio consolação", como tem sido chamado. Jogando no Estádio Laranjão, o time da casa levou a melhor e venceu por 2 a 0, com gols marcados por Marlon e Adriano ainda na primeira etapa.

Com isso, a Laranja da Baixada aguarda o vencedor de Volta Redonda e Boavista, que fazem a outra semifinal do torneio, ainda nesta quarta, às 19h, para saber quem vai enfrentar na final do Quadrangular. Já o Alvirrubro volta a campo só na primeira rodada da Taça Rio, para enfrentar justamente o Nova Iguaçu, em 11 ou 12 de março.


Gols só na etapa inicial

A primeira etapa foi dominada pelo time da casa. Logo aos seis minutos, o Nova Iguaçu assustou com Patrick, que girou dentro da área e bateu forte para defesa de Márcio. Aos 17, Patrick chegou mais uma vez. Ele finalizou tirando do goleiro, e quando a bola ia entrando, Leonardo Luiz correu para tirar a bola já em cima da linha.

O time comandado por Arturzinho pouco chegava ao ataque. E numa dessas escassas chances, começou a se desenhar o primeiro gol da Laranja da Baixada. Após escanteio mal cobrado, o Nova Iguaçu saiu em contra-ataque e Adriano tocou para Marlon, dentro da área, bater no canto direito de Márcio para abrir o placar.

Aos 37, talvez a melhor chance do Alvirrubro na primeira etapa. Guilherme cruzou buscando Loco Abreu, Felipe socou a bola para a entrada da área e ela foi parar nos pés de Leandro Chaves, que tentou tocar por cobertura, mandando por cima. Dois minutos depois, Peralta errou inversão de jogo no meio-campo, a bola ficou para o Nova Iguaçu e Wesley levou na linha de fundo para servir a Adriano. O camisa nove só empurrou, dentro da pequena área, para fazer o segundo.


Alvirrubro tenta reação, mas não muda placar

No segundo tempo o Bangu voltou melhor e pressionando o time da casa. Aos sete minutos, Leandro Chaves cruzou e Loco Abreu cabeceou à esquerda do gol de Felipe. Dois minutos depois, em mais um cruzamento de Leandro Chaves, foi a vez de Washinton testar forte para Felipe fazer grande defesa.

A primeira chegada do Nova Iguaçu na etapa complementar foi apenas aos 12 minutos, quando Marlon invadiu a área pelo lado direito e bateu cruzado. O goleiro Márcio só olhou a redonda passar rente a sua trave esquerda. Mas a grande arma do Alvirrubro parecia mesmo ser o jogo aéreo. Aos 18, Guilherme cruzou na cabeça de Loco Abreu, que sozinho, deu um peixinho à direita da meta defendida por Felipe.

Depois disso, as duas equipes começaram a demonstrar um certo cansaço e o Bangu diminuiu sua pressão. Já na reta final, o Nova Iguaçu ainda teve duas chances cara a cara com Márcio, mas Wescley e Alex Souza desperdiçaram a chance de transformar o resultado em goleada.

. . . . . . . . . . . . . . .

Video do jogo
 
 

Fotos do jogo
 
Foto: Bernardo Gleizer (NIFC)
 
 
Foto: Bernardo Gleizer (NIFC)
 
 
Foto: Bernardo Gleizer (NIFC)
 
 
Foto: Bernardo Gleizer (NIFC)
 
 
Foto: Bernardo Gleizer (NIFC)
 
 
Foto: Bernardo Gleizer (NIFC)
 
 
Foto: Bernardo Gleizer (NIFC)
 
 
Foto: Bernardo Gleizer (NIFC)
 
 
Foto: Bernardo Gleizer (NIFC)
 
 
Foto: Bernardo Gleizer (NIFC)
 
     
Livros
 
Estatísticas 2017
 
Jogos 14
Vitórias 4
Empates 3
Derrotas 7
Gols Pró 13
Gols Contra 23
Saldo de Gols -10
Aproveitamento 36%
Artilheiros 2017
 
Loco Abreu 3
Raphael Augusto 3
Leandro Chaves 1
João Guilherme 1
Guilherme 1
Carlinhos 1
Anderson Penna 1
Hygor Guimarães 1
Daniel Bueno 1