Rio de Janeiro, domingo, 28 de maio de 2017 - 07h24min
Clube
História
Estádios
Símbolos
Presidentes
Futebol
Jogos
Títulos
Atletas
Técnicos
Competições
Informação
Livros
Crônicas
Reportagens
Por onde anda?
Estatísticas
Gerais
Confrontos
Campanhas
Ranking CBF
Competições
Multimídia
Fotos
Áudios
Vídeos

» 1ª Página » Informa��o » Por onde anda?
CARLOS ROBERTO, ex-jogador do Bangu
17/03/08
 

Lembrança dos “bichos” fartos

Carlos Roberto jogou no Bangu ao lado de vários “cobras”, ou melhor, no “Reino da Malandragem”

O ex-volante Carlos Roberto de Carvalho é hoje um técnico conhecido, principalmente após ter conquistado o título carioca de 2006 pelo Botafogo. Além disso, já treinou equipes da Arábia Saudita e da Tailândia, fez boa campanha com o América na Série-C de 2007, passou pelo Madureira no início deste ano e agora, está cotado para ser o representante do Manchester City, da Inglaterra, no Brasil.

Sua carreira começou cedo, logo conquistando a fama no Botafogo dos anos 60 e 70. Após passar o ano de 1979 vestindo a camisa tricolor, Castor de Andrade foi buscá-lo nas Laranjeiras para montar o primeiro grande time dos anos 80, repleto de veteranos. Na época, Carlos Roberto tinha 32 anos. Ficou em Moça Bonita em 1980 e 1981 e vestiu a camisa alvirrubra em 83 ocasiões, marcando um único gol – no último minuto de uma partida contra o Serrano. “Tenho boas recordações do Bangu, até porque era um grupo muito unido, muito bom e muito bem remunerado” – relembra.

O grupo a que Carlos Roberto se refere era a “fina flor da malandragem do futebol brasileiro”. Nomes como Tobias, Toninho Baiano, Moisés, Renê, Marco Antônio, Ademir Vicente, Pedro Rocha, Mirandinha, Luisão e Dé resgataram a imagem do Bangu e serviram para mostrar que Castor de Andrade tinha planos ambiciosos para o time dos anos 80.

Sobre o atual momento do clube, Carlos Roberto foi direto: “Vejo com muita tristeza, mas estou torcendo para que volte a ser uma grande força do futebol carioca e brasileiro”.

Carlos Molinari
Pesquisador da história do Bangu Atlético Clube.
     
Livros
 
Estatísticas 2017
 
Jogos 14
Vitórias 4
Empates 3
Derrotas 7
Gols Pró 13
Gols Contra 23
Saldo de Gols -10
Aproveitamento 36%
Artilheiros 2017
 
Loco Abreu 3
Raphael Augusto 3
Leandro Chaves 1
João Guilherme 1
Guilherme 1
Carlinhos 1
Anderson Penna 1
Hygor Guimarães 1
Daniel Bueno 1