Rio de Janeiro, sexta-feira, 27 de março de 2015 - 19h07min
Clube
História
Estádios
Símbolos
Presidentes
Futebol
Jogos
Títulos
Atletas
Técnicos
Competições
Informação
Livros
Crônicas
Reportagens
Por onde anda?
Estatísticas
Gerais
Confrontos
Campanhas
Ranking CBF
Competições
Multimídia
Fotos
Áudios
Vídeos
» 1ª Página » Informações » Notícias


09/04/2012 -
Bangu sonha alto, sem medo de ser feliz
Fonte: Maria Pimenta (GuiaFut)

Alvirrubro lidera o grupo B da Taça Rio, mas ainda não se livrou do rebaixamento

Depois de péssimo desempenho na Taça Guanabara, na qual perdeu todos os jogos, o Bangu realiza boa campanha no segundo turno, a Taça Rio. Com 12 pontos a uma rodada do fim da fase classificatória, lidera o grupo B e sonha com uma vaga nas semifinais do turno. Mas, do paraíso parecer próximo, o clube ainda não se livrou da principal ameaça da temporada: o rebaixamento.

Como não pontuou no primeiro turno, a equipe está em maus lençóis. Precisa vencer o Resende domingo (15), às 16h, em Moça Bonita, e torcer para que Bonsucesso ou Madureira, que também têm 12 pontos, tropecem. Assim, além de garantir permanência na elite, estaria classificado para as semifinais.

Hoje, o clima em Moça Bonita é de confiança. Ninguém quer lembrar do primeiro turno e todos sonham com dias melhores. Autor do gol da vitória sobre o Macaé ( 1 a 0), neste sábado (7), em Moça Bonita, o atacante Sérgio Júnior dita o ritmo da equipe para a sequência do campeonato.

“Muitos não acreditaram que poderíamos chegar até aqui. Depois da campanha na Taça Guanabara, o descrédito é natural, mas viramos o jogo e temos uma nova postura. Somos um grupo unido, com espírito realmente coletivo. Hoje estamos focados em ajudar o clube a se livrar do rebaixamento e a garantir uma vaga nas semifinais”, afirma o jogador.

Entre as dificuldades e as alegrias da campanha, ficam as emoções da festa que está prestes a chegar ao fim e começa a deixar saudade. “Pena que daqui a pouco o campeonato termina e a gente sabe que cada um seguirá seu caminho. Mas já estamos até ficando com saudades de tudo isto. Mas o mais importante é que o time reagiu. Deixamos para trás os maus momentos porque acreditamos que poderíamos mudar a história e dar alegrias à torcida que nos acompanhou”, conclui Sérgio Júnior.

 Volta     Sobe
Livros
 
Estatísticas 2015
 
Jogos 12
Vitórias 4
Empates 4
Derrotas 4
Gols Pró 17
Gols Contra 18
Saldo de Gols -1
Aproveitamento 44%
Artilheiros 2015
 
Bruno Luiz 5
Almir 5
Luiz Felipe 2
Raphael Augusto 2
Sérgio Raphael 1
Marcos Vinícius 1
Matheus Pimenta 1