Fundado em 17 de abril de 1904
Clube
História
Estádios
Símbolos
Presidentes
Futebol
Jogos
Títulos
Atletas
Técnicos
Competições
Informação
Livros
Crônicas
Reportagens
Por onde anda?
Estatísticas
Gerais
Confrontos
Campanhas
Ranking CBF
Competições
Multimídia
Fotos
Áudios
Vídeos

» 1ª Página » Informação » Notícias » Jogos

01/12/1999 - BANGU 2 x 2 VOLTA REDONDA

FICHA TÉCNICA
Competição:
Copa Rio
Local:
Campo do CFZ, São Gonçalo
Árbitro:
Edilson Soares da Silva, auxiliado por Eurivaldo de Faria Lima e Ednei Guerreiro
Marcelo Pirez; Gulit (Douglas), Ricardo, Márcio e Marquinhos; Humberto, André, Edilson e Bruno (Andinho); Nilton e Paulo Andrade (Josimar).
Técnico: Alfredo Sampaio.
Lugão; Gatão, Fabiano, Evaldo e Ricardo (Claudinho); Dé, Anderson Luiz, Lópes (Luciano) e Jonilson; Nilberto e Roberto (Wallace).
Técnico: Wilton Xavier.
No 1º tempo: Edílson e Roberto. No 2º tempo: Roberto e Josimar.

. . . . . . . . . . . .

Voltaço empata e decide vaga em casa
Fo
nte: Diário do Vale

Resultado favorável contra o Bangu deixa o time em boas condições de obter uma vaga na final da Copa Rio

O Voltaço não se abalou por jogar fora de casa e contra o regulamento. A equipe conseguiu um excelente resultado ao empatar com o Bangu, em 2 a 2, ontem à tarde, no campo do CFZ, em São Gonçalo. O time começou o primeiro tempo jogando bem, pecando apenas em um problema que tem acompanhado o time nos jogos da Copa Rio: a ligação entre o meio-campo e o ataque, que é feita através de lançamentos longos, o que dificulta a continuidade das jogadas.

Logo aos 6 minutos, o pior aconteceu para o Voltaço. O Bangu, que vinha na pressão, abriu o placar. Em uma jogada pela direita, a bola sobrou para Edilson, que, de perna direita, acertou o ângulo do goleiro Lugão. O Voltaço não se intimidou e foi para cima do time de Moça Bonita, que teve pouco tempo para comemorar. Aos 16, Lopes, que perdera um gol incrível ao receber lançamento de Roberto, compensou. O meia do Volta Redonda cruzou e Roberto escorou para o gol, empatando a partida. Os times revezaram-se no ataque com boas chances de alterar o placar, que virou para o segundo tempo em 1 a 1.

No segundo tempo, o Bangu, precisando do gol, foi com tudo para o ataque, deixando bons espaços para o Voltaço puxar perigosos contra-ataques. Assim como aconteceu no primeiro tempo, o gol saiu rápido, antes mesmo dos 10 minutos. Só que desta vez a favor do Voltaço. Jonilson cruzou e Roberto, bem posicionado, marcou o segundo gol dele e do Voltaço na partida.

O Bangu, que tinha o mando de campo, partiu para o tudo ou nada. A equipe carioca chegou várias vezes com perigo ao gol de Lugão e o Voltaço continuou explorando bem os contra-ataques, principalmente puxados por Lopes. O gol de empate do Bangu acabou saindo de uma jogada inusitada. Humberto chutou forte e o goleiro Lugão não conseguiu segurar. A bola sobrou para Josimar, que só teve o trabalho de empurrar para o fundo da rede, marcando 2 a 2 no placar.

O técnico do Voltaço tirou Lopes e colocou Luciano, recuando ainda mais a equipe. E o que se viu depois foi o Bangu todo no ataque. O time carioca ainda teve dois escanteios a seu favor, desperdiçando uma boa oportunidade aos 45 minutos. Aos 48, o árbitro Edilson Soares encerrou a partida. Um empate com gosto de vitória para o Voltaço.

     
Livros
 
Estatísticas
 
Jogos 4.157
Vitórias 1.731
Empates 990
Derrotas 1.436
Gols Pró 7.339
Gols Contra 6.366
Saldo de Gols 973
Artilheiros
 
Ladislau 230
Moacir Bueno 204
Nívio 152
Menezes 138
Zizinho 126
Luís Carlos 119
Paulo Borges 109
Décio Esteves 97
Arturzinho 93
Marinho 83