Fundado em 17 de abril de 1904
Clube
História
Estádios
Símbolos
Presidentes
Futebol
Jogos
Títulos
Atletas
Técnicos
Competições
Informação
Livros
Crônicas
Reportagens
Por onde anda?
Estatísticas
Gerais
Confrontos
Campanhas
Ranking CBF
Competições
Multimídia
Fotos
Áudios
Vídeos

» 1ª Página » Informação » Notícias » Jogos

23/02/2002 - CORINTHIANS (SP) 3 x 1 BANGU

FICHA TÉCNICA
Competição:
Torneio Rio-São Paulo
Local:
Estádio Canindé, em São Paulo (SP)
Público:
9.624 pagantes
Árbitro:
Cléver Assunção Gonçalves (MG), auxiliado por Marco Antônio Martins e Osmar Dias Camilo
  
Dida; Rogério, Scheidt, Fábio Luciano e Kléber; Fabrício, Vampeta e Renato (Fabinho); Deivid (Santiago Silva), Gil e Leandro (Luciano Ratinho)
Técnico: Carlos Alberto Parreira
Eduardo; China, Cleberson, Daniel e Marquinhos (Rogério); Cléber (Jefferson), Éder, Zada e Renatinho (Léo); Wellington e Luís Carlos
Técnico: Miguel Ferreira
Bangu 0 x 1: Leandro, aos 43min do 1º tempo
Bangu 0 x 2: Renato, aos 4min do 2º tempo
Bangu 0 x 3: Gil, aos 17min do 2º tempo
Bangu 1 x 3: Wellington, aos 32min do 2º tempo
Cléber e Cléberson (Bangu)

. . . . . . . . . . . . . . .

Corinthians vence e assume liderança do Rio-SP
Fo
nte: Lancepress!

O Corinthians mostrou que atravessa a sua melhor fase na temporada 2002. Na tarde deste sábado, o Timão passou pelo Bangu por 3 a 1 na abertura da sétima rodada do Torneio Rio-São Paulo, e conquistou sua sexta vitória consecutiva.

Provisoriamente a equipe paulista assume a liderança isolada do Torneio Rio-São Paulo com 14 pontos, um a mais que Ponte Preta e Palmeiras.

O Corinthians começou a partida pressionando o Bangu, que acanhado com as constantes ataques corintianos, se defendeu como pode. O destaque do primeiro tempo foi Leandro. Além de marcar o primeiro gol corintiano, o substituto de Luizão nas últimas partidas fez boas jogadas pelo lado esquerdo do ataque, driblou, chutou e mostrou muita garra.

Logo aos 7 minutos o meia Renato (que susbstituiu Ricardinho, vetado pelo departamente médico devido a uma amigdalite) recebeu lançamento e saiu frente a frente com o o goleiro Eduardo, mas no momento da conclusão, chutou em cima do goleiro do Bangu.

O Timão continuou melhor em campo. Aos 13' Kléber cruzou, Deivid subiu mais que a zaga carioca, mas cabeceou a bola que passou à esquerda do gol. Deivid também foi um dos destaques do jogo com boa movimentação pelo lado direito.

Apesar de continuar mais próximo do gol, o Corinthians caiu de rendimento depois dos 25 minutos. Os ataques continuaram existindo, mas sem o mesmo perigo e eficiência nos primeiros lances da partida.

A última chance de gol no primeiro tempo foi aos 43 minutos, com Gil, que chutou cruzado, forte, para boa defesa de Eduardo.

No segundo tempo, logo aos 4 minutos o gol de Renato definiu a vitória corintiana. Em cobrança de falta pela esquerda, Kléber cruza com perfeição e Renato, de carrinho, aparece para fazer o segundo gol corintiano. A partir desse gol, o Timão dominou completamente a partida e o terceiro gol era apenas questão tempo e de aproveitar uma as oportunidades criadas pelos corintianos.

Aos 17' Gil recebe toque de Kléber, drilba Cléberson e chuta forte, de esquerda, mas a bola explode na trave do goleiro Eduardo. Aos 24´ Deivid recebeu sozinho pela direita, cruzou rasteiro, Gil entrou de carrinho e ampliou a vantagem do Corinthians.

Com três gols de vantagem os corintianos tocaram bola aos coros de "olé" da fiel torcida.

Porém, aos 32 minutos, em uma desatenção do sistema defensivo do Timão, o lateral China foi a linha de fundo, pela esquerda, e cruzou para Wellington bater de primeira para o gol diminuindo a vantagem.

No final da partida, com o resultado garantido, os torcedores iniciaram prostesto contra o vice-presidente de futebol, Antônio Roque Citadini, aos gritos de "Fora Citadini". Além disso, os torcedores pediram a construção do estádio, prometido pela Hicks Muse.

     
Livros
 
Estatísticas
 
Jogos 4.157
Vitórias 1.731
Empates 990
Derrotas 1.436
Gols Pró 7.339
Gols Contra 6.366
Saldo de Gols 973
Artilheiros
 
Ladislau 229
Moacir Bueno 204
Nívio 152
Menezes 138
Zizinho 126
Luís Carlos 119
Paulo Borges 109
Décio Esteves 97
Arturzinho 93
Marinho 83