Fundado em 17 de abril de 1904
Clube
História
Estádios
Símbolos
Presidentes
Futebol
Jogos
Títulos
Atletas
Técnicos
Competições
Informação
Livros
Crônicas
Reportagens
Por onde anda?
Estatísticas
Gerais
Confrontos
Campanhas
Ranking CBF
Competições
Multimídia
Fotos
Áudios
Vídeos

» 1ª Página » Informação » Notícias » Jogos


BANGU 1 x 2 FRIBURGUENSE

FICHA TÉCNICA - Súmula
Competição:
Copa Rio - 3ª Fase - Grupo H (Semifinal - 1º jogo)
Local:
Estádio Proletário Guilherme da Silveira Filho (Moça Bonita), em Bangu (RJ)
Data-Hora:
Quinta-feira, 17/11/2011 - 16h (Horário Brasileiro de Verão)
Renda:
R$ 1.215,00
Público:
198 pagantes (258 presentes)
Árbitro:
Wagner do Nascimento Magalhães (RJ)
Auxiliares:
Wagner de Almeida Santos (RJ) e Jackson Lourenço Massarra dos Santos (RJ)
Wagner Braz, Tiago Lopes (Gedeílson), Abílio, Carlos Renan e Baiano (Bruno Carvalho); Raphael Azevedo, André Barreto, Guzzon e Tiano (Carlinhos); Bruno Luiz e Leandrinho.
Técnico: Marcão.
Adilson, Leomir, Cadão, Diego Guerra e Flavinho; Bidú, Marcelo (Elan), Lucas e Victor Hugo (Marquinhos); Diego Santos e Ricardinho.
Técnico: Gerson Andreotti.
Bruno Luiz, Leandrinho e Carlos Renan (Bangu); Ricardinho (Friburguense)
-
Bangu 0 x 1: Cadão, aos 14min do 1º tempo
Bangu 0 x 2: Ricardinho, aos 31min do 1º tempo
Bangu 1 x 3: Bruno Luiz, aos 35min do 2º tempo

. . . . . . . . . . . . . . .

Friburguense surpreende Bangu em Moça Bonita
Fonte: Fabio Menezes (Papo Esportivo)

Pela primeira partida das semifinais da Copa Rio, Bangu e Friburguense se enfrentaram no Estádio Proletário Guilherme da Silveira Filho e, com gols marcados no primeiro tempo, a equipe do interior venceu e saiu da Zona Oeste com a vantagem do empate para o confronto de volta no próximo domingo, em Nova Friburgo.

Fazendo valer o mando de campo, coube ao alvirrubro pressionar desde o início e, logo aos sete minutos, Bruno Luiz bateu forte da entrada área exigindo grande defesa de Adílson que, no minuto seguinte, voltou a fazer excelente intervenção em cabeceio de Abílio.

Contendo o ímpeto do adversário, o Friburguense cresceu e igualou as ações. Tendo em Victor Hugo o articulador das principais ações do time serrano, os visitantes abriram o marcador aos 14. Aproveitando cobrança de escanteio pela esquerda, Cadão subiu e testou sem chances para Wagner Braz e abriu o marcador.

No minuto seguinte o Bangu teve a chance de empatar, mas Adilson defendeu sem rebote pênalti cobrado por Tiano. Sem se abater, e explorando as jogadas em velocidade, os comandados de Marcão criavam boas chances mas pecavam nas finalizações.

Aos 31, Bidú fez lançamento preciso para Flavinho que avançou pela esquerda e cruzou na medida para Ricardinho, de cabeça, ampliar fazendo 2 a 0.

Na etapa complementar, à base de bom toque de bola, o Friburguense envolvia o Bangu que, com muito espírito de luta, conseguiu diminuir a desvantagem aos 34 minutos. Bruno Luiz, cobrando pênalti com categoria, deslocou Adílson. Pressionando e empurrado pela torcida, o alvirrubro cresceu mas não alcançou o empate.

As duas equipes voltam a se enfrentar no domingo (20), às 16 horas, no Estádio Eduardo Guinle, em Nova Friburgo, e a equipe do interior pode empatar para garantir vaga à final da Copa Rio.

. . . . . . . . . . . . . . .

Video do jogo
 
 

Fotos do jogo
 
Foto: Fabio Menezes
 
Volante Bidú, do Friburguense, dá combate ao atacante Leandrinho
 
Foto: Alexandre Vaz
 
 
Foto: Alexandre Vaz
 
 
Foto: Alexandre Vaz
 
 
Foto: Alexandre Vaz
 
 
     
Livros
 
Estatísticas
 
Jogos 4.224
Vitórias 1.749
Empates 1.014
Derrotas 1.461
Gols Pró 7.409
Gols Contra 6.453
Saldo de Gols 956
Artilheiros
 
Ladislau 230
Moacir Bueno 206
Nívio 154
Menezes 139
Luís Carlos 126
Zizinho 124
Paulo Borges 109
Décio Esteves 98
Arturzinho 93
Marinho 86