Bangu Atlético Clube: sua história e suas glórias
Técnico do Bangu, Felipe quase virou dirigente do Vasco em 2021
17/02/2022
Fonte: UOL (Bruno Braz)
Foto: Caio Almeida / Bangu AC
Ídolo do Vasco, Felipe Maestro reencontrará o clube do coração nesta quinta como treinador do Bangu
Ídolo do Vasco, Felipe Maestro reencontrará o clube do coração nesta quinta como treinador do Bangu

O Vasco terá reencontro especial hoje (17), às 20h30, em São Januário, quando enfrentará o Bangu, pela sétima rodada da Taça Guanabara. No comando técnico da equipe alvirrubra estará uma das suas crias mais queridas: Felipe, ídolo e maior vencedor da história do clube. Hoje adversário, o Maestro por pouco não se tornou dirigente cruz-maltino em 2021.

Na ocasião da eleição, Felipe foi o nome escolhido pelo candidato à presidência Julio Brant para ser o diretor de futebol em caso de vitória. O ex-jogador realizou cursos de gestão e vinha se preparando para função em paralelo à capacitação para ser treinador. Outro nome pensado para ocupar o departamento em parceria com ele foi seu amigo e também ídolo Pedrinho, hoje comentarista dos canais Globo.

Confiante no projeto, Felipe chegou a recusar uma proposta do Qatar - onde fez história como atleta - em troca da possibilidade de trabalhar no clube do coração.

"Tive uma proposta para ser diretor de futebol no Qatar, mas escolhi ficar por acreditar no projeto moderno e profissional que estamos apresentando pelo Vasco. Um projeto que desenvolve um modelo de jogo que apresenta a vocação ofensiva do Vasco, valoriza a base, investe em análise de mercado e que entra em todos os campeonatos para vencer", disse Felipe, em postagem de seu grupo político, o "Sempre Vasco", durante a campanha.

Na confusa eleição, porém, Julio Brant acabou sendo derrotado. Em uma primeira decisão judicial, o pleito foi marcado de maneira presencial em São Januário. Posteriormente, uma nova ação reagendou uma votação híbrida onde somente os candidatos Jorge Salgado e Brant participaram, sendo o primeiro o vencedor.

Com a segunda colocação, Julio Brant teve o direito a indicar 30 nomes para compor o Conselho Deliberativo do clube.

Técnico no Tigres, dirigente na Ponte e volta como treinador no Bangu

Foto: Álvaro Jr/ PontePress
Felipe foi contratado como gerente de futebol da Ponte Preta em 2019: ficou nove meses no cargo
Felipe foi contratado como gerente de futebol da Ponte Preta em 2019: ficou nove meses no cargo

Sua carreira no futebol após "pendurar as chuteiras" começou como treinador do Tigres do Brasil (RJ), onde teve passagem sem brilho.

Em fevereiro de 2019, após realizar cursos, foi anunciado como gerente de futebol da Ponte Preta, cargo que exerceu até o fim de novembro daquela temporada, quando pediu demissão e focou na eleição vascaína.

Em abril de 2021, acertou para ser treinador do Bangu e acabou fazendo uma campanha que rendeu elogios na Série D do Campeonato Brasileiro, quando conseguiu classificar à equipe para a segunda fase da competição e foi eliminado nos pênaltis para o Joinville.

Atualmente, no Campeonato Carioca, o Alvirrubro ocupa a zona intermediária da tabela.

Felipe sonha treinar o Vasco

Foto: Marcelo Sadio/Divulgação
Felipe Maestro é o jogador que mais conquistou títulos oficiais na história do Vasco da Gama
Felipe Maestro é o jogador que mais conquistou títulos oficiais na história do Vasco da Gama

Dono de uma personalidade forte, Felipe não fica em cima do muro ao ser questionado se pensa em treinar o Vasco. O agora técnico deixou isso claro à própria TV do clube em setembro do ano passado.

"Óbvio que a gente se qualificou para esse momento até chegar no Vasco. Estou amadurecendo e trabalhando bastante", disse à Vasco TV o ex-jogador, que prosseguiu:

"Me preparei para esta etapa da vida, sem dúvidas seria muita hipocrisia da minha parte dizer que não teria este desejo, óbvio que eu tenho, almejo isso e estou trabalhando para que lá na frente eu consiga. Espero que eu tenha a mesma sorte e a mesma fase de campeão que eu tive como atleta. Entrar na história como treinador seria uma satisfação enorme."

Na ocasião, Felipe continuou no assunto de volta a fazer história no Vasco, desta vez como treinador:

"A gente sonha em fazer história como técnico também. Por que também não fazer história como treinador do meu time de coração? A minha história como atleta, infelizmente, acabou, porque eu estou coroa, não dá. Mas, no futuro, vamos fazer história agora como treinador", disse o craque, que se derreteu para o Cruz-Maltino", à época.

FICHA TÉCNICA

VASCO x BANGU
Local: estádio São Januário, no Rio de Janeiro (RJ)
Data e hora: 17 de fevereiro de 2022 (quinta-feira), às 20h30
Competição: 7ª rodada da Taça Guanabara
Árbitro: Tarcizo Pinheiro Caetano
Auxiliares: Rodrigo Figueiredo Henrique Corrêa e Diego Couto Barcellos

VASCO: Thiago Rodrigues; Weverton, Ulisses, Anderson Conceição e Edimar; Matheus Barbosa e Juninho; Bruno Nazário, Nenê e Gabriel Pec; Raniel. Técnico: Zé Ricardo

BANGU: Paulo Henrique; Carlos Eduardo, Israel, Eduardo Brito e Roberto Baggio; Renatinho, Denilson e Lucas Oliveira; Luís Araújo, Daniel Dias e Santarém. Técnico: Felipe Loureiro